Sem comentários

36º Festival do Vinho Português e 26ª Feira Nacional da Pera Rocha – Bombarral – 6 a 11 de Agosto

Festival do Vinho Português:

A importância da actividade agrícola no Bombarral estende-se pelos séculos, mantendo-se nos dias de hoje como um dos principais sectores económicos do nosso concelho. O sector vitivinícola era, no início do século XX, a actividade agrícola predominante, afirmando o Bombarral como uma das principais regiões vinhateiras, alcançando os seus vinhedos quase o estatuto de monocultura. Com o passar dos anos, este sector foi perdendo importância mas apesar de não ter a mesma preponderância económica de outros tempos, o Vinho continua a ser um dos principais atractivos do concelho do Bombarral, sendo a actividade valorizada e promovida por um prestigiado festival de âmbito nacional: o Festiva do Vinho Português. Trata-se do certame vitivinícola mais antigo do país e realiza-se anualmente no decorrer do mês de Julho/Agosto na Mata Municipal do Bombarral, um dos principais ex-libris do concelho. O certame foi criado nos anos 60, denominava-se 1º Festival-Exposição do Vinho Português e decorreu entre os dias 6 e 9 de Outubro desse ano. Realizando-se de forma não continuada durante alguns anos, foi a partir do ano de 1993, aquando da 10ª edição, que o certame se afirmou definitivamente passando a partir dessa data a realizar-se anualmente. De ano para ano o certame foi crescendo de forma sustentada, acabando por se afirmar em definitivo no panorama nacional, como um dos certames de promoção e divulgação dos vinhos nacionais. Este facto é comprovado pelo aumento de participantes e pelo elevado número de visitantes, que têm oportunidade de participar em provas de vinhos, comprar o melhores vinhos nacionais a preços mais convidativos, assistir a diversos espectáculos musicais e culturais e apreciar a gastronomia local nas tradicionais tasquinhas.

Feira Nacional da Pêra Rocha:

Actualmente, no concelho do Bombarral, a actividade agrícola dominante é a produção de Pêra Rocha. Tendo em atenção a importância deste sector para a economia do Concelho do Bombarral, e também da Região Oeste, em 1993 foi criada a Feira Nacional da Pêra Rocha. O certame nasce de uma proposta da Associação de Agricultores do Oeste, junto da Câmara Municipal do Bombarral, sendo organizada, até 1996, por uma comissão, constituída pela Câmara Municipal do Bombarral, Associação de Agricultores do Oeste, Cooperativa Agrícola do Bombarral, Associação Nacional da Pêra Rocha, Associação da Sociedade de Agricultura de Grupo e Associação Interprofissional para a Criação de Marcas Colectivas. A partir desta data, devido a algum desinteresse por parte desta comissão, a Associação de Agricultores do Oeste assumiu sozinha a organização do certame, realizando um protocolo com a Câmara Municipal do Bombarral, onde esta se comprometeu em fornecer apoio logístico e financeiro. Passou a chamar-se Feira Nacional da Pêra Rocha – Mostra de Artesanato Doçaria e Gastronomia Regional, uma vez que foram introduzidas inovações ao nível do artesanato, doçaria e gastronomia regional. Actualmente é o principal laço promocional que liga a Pêra Rocha, ao seu solar natural, o concelho do Bombarral, onde existem os seus primeiros pomares, com mais de 50 anos. Este certame, promove a rainha da fruticultura Portuguesa a “Pêra Rocha”, mas também os produtos agrícolas frescos em geral. Actualmente, é uma das melhores Mostras de Artesanato, Doçaria e Gastronomia Regional a nível nacional. Para além do seu grande valor nutritivo através do consumo em fresco, a Pêra Rocha detém igualmente extraordinárias potencialidades para o seu uso na produção de doces e licores de produção artesanal, os quais podem ser encontrados neste certame.

Blue Acres® Portugal sugere consideração a este artigo, na Costa de PrataOeste de Portugal. A Silver Coast, famosa pelas praias de PenicheBaleal, Foz do Arelho, entre outras, conhecidas pela prática de desportos como surfkitesurfwindsurfjet ski e ainda as actividades de mergulhopesca desportivapesca submarina, etc. A acrescentar, o belíssimo arquipélago das Ilhas BerlengasEstelas e Farilhões que, desde 30 de Junho de 2011 foi considerada Reserva Mundial da Biosfera pela UNESCO, tornando-se Reserva Natural das Berlengas. Também de salientar a beleza pré-histórica do Castelo de Óbidos, a dinâmica diária do mercado da “Praça da Fruta” de Caldas da Rainhae a Lagoa de Óbidos, influente e marcante na ecologia local. Lembre-se que a Blue Acres® Portugal media a compra e venda de propriedades nesta região. Moradiasapartamentosterrenosprédios, etc. Caso o imóvel que procura não se encontre listado neste site, não hesite em contactar-nos: T. 917 440 326 | info@blueacres.pt